Uma história no mínimo curiosa acabou em tragédia nos EUA. Uma mulher nascida homem é acusada de ter matado o marido, 30 anos mais velho, na piscina do prédio onde moravam, em Middlefield, no estado americano de Ohio. O caso surpreendeu os Estados Unidos não apenas pelo assassinato, mas por todo o conjunto da história.

     James M. Mason conheceu a sua mulher quando ela ainda era um menino. Visto como um integrante da família, “praticamente um tio”, Mason aceitou se casar com ela três anos atrás, após o jovem ter passado por uma cirurgia de troca de sexo. O que chamou a atenção da pequena cidade não foi somente o fato de ele saber que ela havia mudado de sexo, mas também o de ele ter 70 anos, e ela, que trocou o nome de John Leslie Vallandingham para Christine Newton-John (em homenagem à cantora Olivia Newton-John), pouco menos de 40 anos. 

     Em junho de 2008, porém, o casamento terminou em tragédia. Chris Mason (ex-Newton-John) foi acusada de dar uma carga excessiva de exercício para o marido dentro da piscina, o que teria provocado a morte dele. E tudo isto na frente da mãe dela, que estava em uma cadeira de rodas.

     As imagens foram captadas pelo circuito interno de segurança da piscina coberta que fica no edifício onde moravam. Veja o vídeo:

 

Confira os melhores preços de Videogames ! ! !

Anúncios