oscar

    A Globo e o maior  cestinha brasileiro  disputam partida  acirrada nas barras  dos tribunais.  Oscar Schmidt, 51  anos, está sendo  acionado pela  Globo por quebra  de contrato. A  Globo lhe pagava  R$ 5.000 mensais,  e dobrava esse  valor quando  houvesse evento  esportivo.

     Em janeiro, a  Record ofereceu a  Oscar R$ 100 mil mensais –1.900% de aumento– em um contrato até o fim de 2014. Procurada, a Central Globo de Comunicação informou que não poderia se pronunciar sobre o caso, por ele estar sub judice.

     Oscar será um dos principais comentaristas da emissora do bispo Edir Macedo. A Record tem direitos exclusivos de transmissão do próximo Pan-Americano, no México (2011), e da Olimpíada de Londres, em 2012, além de Jogos de Inverno (2010).

     A Record pagou US$ 65 milhões para derrotar a Globo na disputa. Oscar Schmidt tem aparecido esporadicamente apenas no “Domingo Espetacular”.

Anúncios