O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que este 31 de agosto, dia do anúncio do marco regulatório da exploração de petróleo da camada pré-sal, representa “um novo dia da independência do Brasil”. As descobertas, destacou no programa de rádio “Café com o Presidente”, colocam o País entre os maiores produtores de petróleo do mundo. A proposta de regulamentação será apresentada publicamente hoje à tarde e enviada ao Congresso.

O Brasil, disse Lula, precisa aproveitar, fazer o marco regulatório, para que a Petrobras possa ficar mais “forte”, para que a “União possa ser dona do petróleo, para que a gente possa criar um fundo para melhorar a vida do povo”. Esse fundo, reiterou, “será para cuidar da educação, de ciência e tecnologia e da pobreza neste País”.

1

A intenção, disse Lula, é utilizar o petróleo e fazer o Brasil se tornar “mais rico, mais desenvolvido do ponto de vista científico e tecnológico e das políticas sociais do governo”. Lula reafirmou a intenção de exportar derivados de petróleo e defendeu uma grande indústria petrolífera. “Precisamos ter mais estaleiros, precisamos construir as plataformas aqui, as sondas aqui. Por isso é que nós precisamos fazer com que o Brasil se transforme numa grande nação, construindo um polo petroquímico muito grande.”

O pré-sal é uma camada de reservatórios que se encontram no subsolo do litoral do Espírito Santo a Santa Catarina, ao longo de 800 quilômetros, em lâmina dágua que varia entre 1,5 mil e 3 mil metros de profundidade e soterramento (área do subsolo marinho que terá de ser perfurada) entre 3 mil e 4 mil metros.

Independente da sua opinião política, o que você achou dessa notícia? Comente, abraço do Pombo.