get Todo o romantismo de Patrick Swayze não está presente apenas nas telonas dos cinemas. O ator era um romântico incurável, e apaixonado por sua esposa, Lisa Niemi. Um prova disso é a carta deixada por Patrick para a mulher após sua morte, na última segunda feira, por causa de um câncer no pâncreas.

A carta estará no livro de memórias do ator, The Time of My Life, a ser lançado no dia 29 de setembro. “Sou grato por você ter escolhido me amar”, diz o texto.

“Eu sei que por sua causa eu me encontrei. Eu vi o homem que eu gostaria de ser. Você é minha mulher, minha amante, minha companheira e minha dama. Eu te amei. Eu te amo agora e te amarei para sempre”, continuou Swayze.

Além disso ele conta que viu Lisa pela primeira vez quando ela era ainda uma aluna das aulas de dança de sua mãe. “Todas aquelas meninas estavam tendo aulas com minha mãe e eu costumava dar uma olhadinha. Era como estar em uma loja de doces. Ela (Lisa) não caía nas minhas cantadas. Nós passamos metade dos nossos encontros em silêncio porque ela não falava comigo e achava que eu estava atuando.”