balaoooA suspeita de que um menino de seis anos teria voado dentro de um balão de gás hélio gigantesco em forma de disco voador nos Estados Unidos gerou uma corrida pelo resgate da criança e pela história incomum nos Estados Unidos na última quinta-feira (15). O caso acabou de uma forma pouco esperada: mais de duas horas depois e 80 km percorridos, a Guarda Nacional americana finalmente chegou ao balão, que fez uma aterrissagem suave. Mas o garoto Falcon Heene foi encontrado dentro de sua casa.

A mídia americana acompanhou de perto os dois helicópteros enviados pela Guarda Nacional no Colorado para perseguir o balão de hélio onde se acreditava que o garoto estaria escondido. Segundo o site USA Today, canais por assinatura interromperam a transmissão da visita do presidente Barack Obama à prefeitura de Nova Orleans para passar a busca pelo balão.

Depois de resolvido o caso do desaparecimento da criança, a família Heene deu entrevistas ao vivo para grandes redes de televisão CNN, ABC, NBC e CBS. O assunto continuava em destaque nos sites do USA Today, ABC, CNN e CBS na tarde desta sexta-feira (16). A história do “menino do balão” repercutiu no mundo inteiro.

13meni

Em uma dessas entrevistas, o menino revelou ao apresentador que havia ouvido sua família o chamando enquanto estava escondido dentro de casa. Em seguida, foi questionado por quê não disse aos pais onde estava. A resposta do menino para esta pergunta, “vocês [os pais] disseram que nós fizemos isso para um show“, gerou uma nova bateria de perguntas. Que show? Que programa de televisão? O desaparecimento da criança era uma farsa? Ou um golpe de publicidade?

Richard e Mayumi Heene, pais da criança, são caçadores de tempestades e já apareceram no reality show “Wife Swap”, do canal americano ABC. Richard explicou à NBC que o balão prateado de gás hélio foi montado em casa e era parte de um experimento que a família fazia junta no tempo livre.

O que você acha que está por trás de toda essa história? Comente…