0,,30059588-FMMP,00O ex-cantor Rafael Ilha, do grupo Polegar, está internado desde a tarde desta terça-feira (20) no Hospital do Campo Limpo, na Zona Sul de São Paulo. A secretaria confirmou que ele sofreu um corte no pescoço e chegou a ficar internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Em um primeiro momento, a assessoria disse que o estado dele era grave, depois a informação foi retificada.

De acordo com o boletim de ocorrência, registrado no 89º Distrito Policial, no Portal do Morumbi, o ex-cantor foi encontrado dentro do elevador, “consciente, de pé, com um pedaço de vidro na mão esquerda enfiado no pescoço e com um garfo na mão direita, aparentando estar sob influência de entorpecente”. Os policiais relataram na delegacia que ele dizia a frase “eu vou me matar”.

Os policiais negociaram com ele durante uma hora e Ilha aceitou jogar no fosso do elevador o garfo e o vidro. Segundo o delegado Celso Lahoz Garcia, a avó de Rafael disse aos policiais que o ex-cantor havia saído da clínica de reabilitação para visitá-la nesta terça-feira (20).