114Em 2010, a permanência do técnico Vanderlei Luxemburgo ainda é incerta na Vila Belmiro, ao comando do Santos. Tudo depende da reeleição do presidente Marcelo Teixeira. Mas se no presente o futebol é o tema central dos pensamentos do treinador, em um futuro próximo o objetivo é ainda mais audacioso: construir uma carreira na política.

O mais curioso é o local escolhido para a estreia nesse novo universo, o Estado de Tocantins. Em entrevista à Folha de São Paulo, Luxemburgo revela que se filiou ao PT da região por questões político-ideológicas e fala sobre sua afinidade com o presidente Lula.

– Tenho amizade com o Lula, que foi o petista que mais evoluiu. Se você pegar o Lula de anos atrás e pegar o de hoje, verá que evoluiu na ideologia política, algumas coisas que tomava com radicalismo no partido foram mudando. Isso mostra que o PT evoluiu – defende o futuro candidato.