Capitão da Irlanda, o atacante Robbie Keane ficou revoltado com o erro do árbitro sueco Martin Hansson ao validar o gol da França nesta quarta-feira, após Thierry Henry ter começado a jogada tocando a bola com a mão.

Com o empate em 1 a 1, a seleção irlandesa ficou de fora da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul.

– O toque de mão foi óbvio, estamos com nojo. Definitivamente, a Fifa não quer a Irlanda na Copa – reclamou o jogador do Tottenham.

Depois de ter perdido em casa por 1 a 0 no jogo de ida, a seleção irlandesa devolveu o placar no Stade de France e levou a partida para prorrogação. Aos 13 minutos do tempo extra, Henry usou a mão para evitar que a bola saísse e depois cruzou para Gallas marcar o gol da classificação francesa.

– Nós criamos muitas chances nesta noite. Temos que ficar orgulhosos pelo que jogamos, mas falhamos em seguir adiante – concluiu o capitão.

Você acha que esse jogo deve parar nos tribunais? Comente…

 

Anúncios