O presidente em exercício, José Alencar, disse nesta segunda-feira que há uma informação de que um avião da TAM, que chegou ao Brasil nesta madrugada, teria visto um incêndio na região do oceano Atlântico. “Há uma notícia, mas ainda muito vaga, de um avião da TAM que teria visto uma coisa pegando fogo em uma região do Atlântico”, afirmou. O vice-presidente disse que a informação ainda não foi confirmada e que a Força Aérea Brasileira (FAB) está refazendo a rota do vôo 447, da Air France, que desapareceu após deixar o Rio de Janeiro.

Ao deixar o prédio da Infraero no Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão), Alencar afirmou que ainda há esperança de encontrar sobreviventes do desaparecimento do vôo AF 447, da Air France. “Para Deus, nada é impossível. Pode ser que esse avião tenha pousado em algum lugar, mas nós não temos essa informação”, disse. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva está em El Salvador e pediu para que Alencar fosse ao Rio “dar um abraço de solidariedade do governo” nos familiares, além de informar as providências tomadas pela FAB.

A qualquer momento aqui no Pombo, mais notícias sobre o acidente…

ff

     Muitos não sabem, mas o Brasil tem uma família real, mas que não possui poderes para governar. A família confirmou que Pedro Luís de Orleans e Bragança estava no voo 447 da Air France, que desapareceu nesta segunda-feira (1º) quando sobrevoava o Oceano Atlântico. Pedro Luís, 26 anos, bacharel em Administração de Empresas e pós-graduado em Economia, estava morando na França e veio ao Rio visitar os pais, Antônio João e Christine de Ligne. Ele é o quarto na suposta linha de sucessão do trono do Brasil.

      A relação completa de passageiros do voo ainda não foi anunciada e, segundo a assessoria de imprensa da Air France, não há previsão para sua divulgação. A Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) já tem a lista, mas só poderá divulgá-la depois que a companhia francesa fizer contato com todos os familiares das vítimas – um processo que teria se iniciado por volta das 11h desta segunda-feira. Só depois disso a Anac fará uma coletiva dando as informações completas.   

 

    A qualquer momento aqui no Pombo Sem Asa, mais informações sobre a tragédia que matou dezenas de brasileiros, fique ligado…

Um Airbus da Air France que partiu do Rio de Janeiro em direção a Paris desapareceu dos monitores dos radares nesta segunda-feira (1). O voo AF 447, que levava 216 passageiros e 12 tripulantes, deveria ter pousado às 6h10 (horário de Brasília) em Paris.

0,,20942451,00

A aeronáutica já começou as buscas. Segundo o assessor de imprensa da Aeronáutica, coronel Henry Munhoz, elas foram iniciadas ao nascer do sol.

A Air France informou nesta segunda-feira (1) no Rio de Janeiro que há 80 passageiros brasileiros no voo AF 447,que desapareceu no Oceano Atlântico com 228 pessoas a bordo  -216 passageiros e 12 tripulantes. Os números são provisórios, segundo Jorge Assunção, gerente da empresa no Rio de Janeiro.

Segundo a companhia, também estariam a bordo 73 passageiros franceses, 18 alemães, 9 italianos, 6 americanos, 4 húngaros, 5 chineses, 2 espanhóis, 2 ingleses, 2 marroquinos, 2 irlandeses, 1 angolano, 1 belga, 1 turco, 1 norueguês, 1 russo, 1 eslovaco, 1 austríaco, 1 argentino, 1 polonês, 1 romeno, 1 sueco, 1 islandês e 1 filipino. Entre os 12 tripulantes, havia brasileiros e franceses, ainda segundo a empresa.

Para maiores informações clique aqui.

A qualquer momento o Pombo Sem Asa pode trazer mais informações.