Logo HD - A Fazenda 2A Record divulgou um comunicado nesta quinta-feira sobre a nova temporada de “A Fazenda”, que estreia neste domingo (15), às 22h. O reality show terá duração de 12 semanas, com previsão de terminar em fevereiro de 2010. Sem citar quem são os participantes, que serão conhecidos apenas na estreia do programa, o prêmio final continua sendo o de R$ 1 milhão.

Ainda segundo o comunicado, a nova temporada pretende aproveitar o calor da estação e apostar em atividades mais próximas à área da piscina. O quarto, a academia e a despensa estão maiores e a área externa terá um ofurô. O reality show também está com mais câmeras – 42 no total – seis a mais que na edição anterior.

Em relação aos animais, além de vacas, bezerros, cavalos, ovelhas e galinhas, os peões terão de cuidar também de patos, porcos, coelhos e avestruzes nesta segunda versão do programa. O reality é realizado em uma fazenda localizada em Itu, no interior de São Paulo.

Regras
O telespectador escolhe quem será eliminado a cada semana votando por telefone, SMS e internet. A Roça continua com três concorrentes. O primeiro indicado é o perdedor do Desafio Semanal, uma prova que pode depender de habilidade, destreza, inteligência ou sorte. O segundo indicado é escolhido na votação dos participantes. O terceiro indicado para a Roça é apontado pelo Fazendeiro da Semana, responsável pela casa e imune às votações.

britto-posadoAlém das tarefas já conhecidas na primeira edição, como cuidar dos animais e da horta, os concorrentes terão duas atividades extras nesta temporada, que serão designadas pelo Fazendeiro da Semana.

A apresentação e as reportagens continuam com Britto Jr. e Chris Couto, respectivamente. O caseiro Clébis e a zootecnista Fernanda Manelli permanecem nesta edição auxiliando os participantes na rotina rural.

A Record ainda não definiu os horários de exibição de “A Fazenda” ao longo da próxima semana, mas a previsão é que o programa seja exibido após a novela “Poder Paralelo”. Outro diferencial desta temporada será a transmissão pay-per-view pela TVA Digital e Telefônica TV Digital, para quem quiser acompanhar o programa 24 horas.

Anúncios

ciauOito minutos. Foi o tempo que o Brasil precisou para acabar com a Itália, neste domingo, no Estádio Loftus Versfeld, em Pretória, pela última rodada da fase classificatória da Copa das Confederações. Entre os 36min e 44 min do primeiro tempo, a Seleção fez os 3 a 0. Dois de Luís Fabiano e um contra de Dossena. Fora o show. Os italianos, atuais campeões mundiais, foram humilhados em campo e acabaram eliminados.

Com 100% de aproveitamento na primeira fase – vitórias também sobre Egito (4 a 3) e Estados Unidos (3 a 0) -, o Brasil avançou para a semifinal como primeiro colocado. Agora, terá pela frente os sul-africanos.

O time da casa, comandado pelo brasileiro Joel Santana, ficou com o segundo lugar do outro grupo – uma vitória, um empate e uma derrota. O jogo será na quinta-feira, em Johannesburgo. Quarta-feira, em Bloemfontein, Espanha e Estados Unidos disputarão a outra vaga na grande decisão.

Neste domingo, o técnico Dunga decidiu manter três das quatro alterações realizadas entre a estreia e a segunda rodada. Maicon, André Santos e Ramires foram novamente titulares, enquanto Juan voltou na vaga de Miranda. Ramires foi o maior destaque, comeu a bola. Juan sentiu lesão e deu lugar a Luisão ainda no primeiro tempo.

Nota importante. Foi a sexta vitória seguida da Seleção, entre jogos das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2010 e da Copa das Confederações. Foi também a sétima vitória brasileira no histórico de confrontos os italianos – com ainda dois empates e cinco derrotas.